Quinta, 20 de Junho de 2024
Publicidade

IAT anuncia investimento de R$ 10 milhões em Unidades de Conservação do Paraná

São ações de impacto na melhoria da infraestrutura de diferentes parques estaduais, na contratação de projeto de revitalização da UC Salto São Fra...

06/06/2024 às 18h05
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: IAT-PT
Foto: IAT-PT

O Instituto Água e Terra (IAT) anunciou nesta quinta-feira (06), durante o Fórum Permanente de Gestores do Sistema Nacional de Unidades de Conservação, em Foz do Iguaçu, na região Oeste, uma série de investimentos nas Unidades de Conservação (UCs) do Paraná. São três diferentes propostas que totalizam R$ 10 milhões para a melhoria da infraestrutura dos 72 parques estaduais. A medida integra o pacote de ações voltado para a Semana do Meio Ambiente.

“Cuidar do patrimônio natural é algo muito importante para o Paraná. Estamos em busca das melhores soluções para gerir essas unidades, por isso queremos que elas se relacionem com o seu entorno, contribuam para a qualificação ambiental da região, criando corredores verdes, sustentáveis e de desenvolvimento”, afirmou Everton Souza, secretário estadual do Desenvolvimento Sustentável, Pasta à qual o IAT é vinculado.

Para essa modelagem, o órgão ambiental fechou contrato de gestão com a Invest Paraná para criação e ampliação de um modelo de experiência integrada às UCs por meio da promoção do uso público dos parques estaduais, da inclusão das comunidades próximas e dos produtos da bioeconomia. O objetivo é impulsionar o desenvolvimento territorial sustentável conservando e protegendo o bioma local. O investimento é de R$ 4.711.443,12 e a previsão é de que o projeto tenha início em julho. Serão dez UCs nesta primeira etapa – os locais estão em fase de definição pelo IAT.

“A intenção deste projeto é transformar a Unidade de Conservação na força motriz do desenvolvimento local, regional. Será criado um produto, a trilha de experiência, que visa fazer com que o visitante fique na região, gerando renda para a população. Que ele aproveite os produtos tradicionais, conheça as comunidades originárias, a gastronomia, as festas. É explorar o que há de melhor na região”, explicou o gerente de Desenvolvimento Econômico da Invest Paraná, Bruno Banzato.

“Vamos aproveitar neste novo projeto a experiência acumulada do Programa de Vocações Regionais Sustentáveis", diz o diretor de Desenvolvimento Econômico da Invest Paraná, Rogério Chaves. "A demanda apresentada pelo IAT é um grande desafio, mas demonstra a coordenação e otimização que o governo estadual incentiva, cada instituição trabalhando com sua expertise para o desenvolvimento econômico sustentável”, acrescentou acrescenta Chaves.

DOAÇÃO -Outro anúncio diz respeito à doação voluntária por parte da Engie Brasil, empresa com atuação no mercado livre de energia, de R$ 4,3 milhões para investimento nas UCs do Paraná. O acordo, estabelecido pelo programa Investe Parques do IAT, estabelece a compra de 18 quadriciclos, 5 UTVs (veículo off-road), 2 embarcações e 25 televisores 75”, além da contratação de projeto de revitalização do Parque Estadual Salto São Francisco da Esperança, entre Guarapuava, Prudentópolis e Turvo, na região Central do Paraná.

Por fim, foi formalizado um Acordo de Cooperação entre o IAT e o Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) que prevê a destinação de R$ 1 milhão para estruturar UCs estaduais do Litoral por meio de editais de chamamento. A aplicação do recurso se dará na contratação de plano de uso público para orientar os turistas no Parque Estadual Pico Paraná, entre Campina Grande do Sul e Antonina; contratação de projeto para construção de casa, receptivo e centro de educação ambiental para a vila de Nova Brasília, na Ilha do Mel, em Paranaguá; compra e instalação de materiais e estruturas diversas nos parques Marumbi (Morretes, Piraquara e Quatro Barras), Palmito (Paranaguá), Boguaçu (Guaratuba) e na própria APA de Guaratuba.

“São iniciativas importantes de estruturação das nossas UCs, para reforçar o protagonismo do desenvolvimento sustentável no Paraná”, destacou o diretor de Patrimônio Natural do IAT, Rafael Andreguetto.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Maripá, PR
30°
Parcialmente nublado

Mín. 17° Máx. 32°

28° Sensação
5.54km/h Vento
23% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h18 Nascer do sol
05h55 Pôr do sol
Sex 32° 16°
Sáb 31° 17°
Dom 36° 18°
Seg 30° 19°
Ter 21° 16°
Atualizado às 12h04
Economia
Dólar
R$ 5,44 -0,21%
Euro
R$ 5,83 -0,48%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,15%
Bitcoin
R$ 374,096,71 -0,23%
Ibovespa
120,874,59 pts 0.51%
Publicidade
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias